Estreias da Semana nos Cinemas

Confira os filmes que chegam hoje (dia 11 de Janeiro) nas telonas.

A Viagem

Seis histórias vão e voltam no tempo, com personagens que se cruzam, desde o século 19 até um futuro pós-apocalíptico.

Drama/Fantasia/Ficção Científica – (Cloud Atlas) EUA/Alemanha/Hong Kong/Singapura, 2012. Direção: Andy Wachowski, Lana Wachowski, Tom Tykwer. Elenco: Tom Hanks, Halle Berry, Hugh Grant, Susan Sarandon, Jim Broadbent, Hugo Weaving, Jim Sturgess, Ben Whishaw, Keith David, David Gyasi, Zhou Xun, Doona Bae. Duração: 163 min. Classificação: 16 anos.

Jack Reacher – O Último Tiro

Quando um atirador de elite é preso, depois de matar cinco pessoas, tudo o que ele pede é a presença de Jack Reacher (Tom Cruise), um ex-militar que passou a viver à sombra da sociedade. Baseado no livro do escritor britânico Lee Child.

Ação – (Jack Reacher) EUA, 2012. Direção: Christopher McQuarrie. Elenco: Tom Cruise, Rosamund Pike, Richard Jenkins, David Oyelowo, Werner Herzog, Robert Duval. Duração: 130 min. Classificação: 14 anos.

 

 

Além das Montanhas

Alina retorna à Romênia para buscar a melhor amiga Voichita em um convento.

Drama – (Dupa Dealuri) Romênia/França/Bélgica, 2012. Direção: Cristian Mungiu. Elenco: Cosmina Stratan, Cristina Flutur, Valeriu Andriuta, Dana Tapalaga, Catalina Harabagiu, Ionut Ghinea. Duração: 155 min. Classificação: 12 anos.

 

 

 

Uma Família em Apuros

Artie Decker (Billy Crystal), a contragosto, serve de babá para seus três netos durante um fim de semana ao lado de sua esposa (Bette Midler).

Comédia – (Parental Guidance) EUA, 2012. Direção: Andy Fickman. Elenco: Billy Crystal, Bette Midler, Marisa Tomei, Tom Everett Scott, Bailee Madison, Joshua Rush, Kyle Harrison Breitkopf. Duração: 104 min. Classificação: livre.

 

 

 

Barbara

Durante a Guerra Fria, uma médica da Alemanha Oriental é transferida, por motivos políticos, para uma cidade do interior. Mas mesmo muito vigiada ela planeja uma fuga com ajuda de seu amante da Alemanha Ocidental.

Drama – Alemanha, 2012. Direção: Christian Petzold. Elenco: Nina Hoss, Ronald Zehrfeld, Rainer Bock. Duração: 105 min. Classificação: 14 anos.

 

Sacrifício

Um clã é massacrado, mas a mulher do líder dá à luz um herdeiro, que é salvo por um médico.

Drama – (Zhao Shi Gu Er) China, 2010. Direção: Kaige Chen. Elenco: You Ge, Xueqi Wang, Fengyi Zhang, Xiaoming Huang, Bingbing Fan, Hau-Qing. Duração: 122 min. Classificação: 14 anos.

Estreia em São Paulo.

 

{lang: 'pt-BR'}

Bibliotecas do Mundo: Biblioteca do Palácio e Convento de Mafra, Costa de Lisboa, Portugal

O Palácio Nacional de Mafra localiza-se no concelho de Mafra, distrito de Lisboa, em Portugal.

A cerca de 25 quilómetros de Lisboa, constitui-se em um palácio e mosteiro monumental em estilo barroco. Foi iniciado em 1717 por iniciativa de João V de Portugal, em virtude de uma promessa que fizera no caso de a rainha D. Maria Ana de Áustria lhe desse descendência. Classificado como Monumento Nacional em 1910, foi um dos finalistas para uma das Sete Maravilhas de Portugal a 7 de Julho de 2007.

Frente do Palácio e Convento de Mafra

Palácio Nacional de Mafra, Litografia de 1853.

O maior tesouro de Mafra é a sua biblioteca, com chão em mármore, estantes em estilo rococó e uma coleção de mais de 36.000 livros com encadernações em couro gravadas a ouro, graças à ação da Ordem Franciscana, incluindo uma segunda edição de Os Lusíadas de Luís de Camões. Abrange áreas de estudo tão diversificada como a medicina, farmácia, história, geografia e viagens, filosofia e teologia, direito canónico e direito civil, matemática, história natural, sermonária e literatura.

Biblioteca do Palacio e Convento de Mafra

 Situada ao fundo do segundo piso é a estrela do palácio, rivalizando em grandiosidade com a Biblioteca da Abadia de Melk, na Áustria que veremos futuramente aqui no LCC.

A Biblioteca de Mafra foi construída por Manuel Caetano de Sousa e tem 88 m de comprimento, 9.5 de largura e 13 de altura. O magnífico pavimento é revestido de mármore rosa, cinzento e branco. As estantes de madeira estilo rococó, situadas em duas filas laterais, separadas por um varandim contêm milhares de volumes encadernados em couro, testemunhando a extensão do conhecimento ocidental dos séculos XIV ao XIX. Entre eles muitas jóias bibliográficas, como incunábulos. Estes volumes magníficos foram encadernados na oficina local, também por Manuel Caetano de Sousa.

Há tantas Bibliotecas lindas espalhadas pelo mundo, que dá vontade de pegar um avião agora e começar a conhecer todas não acham?

=)

{lang: 'pt-BR'}

Bibliotecas do Mundo: Angélica Biblioteca, Roma, Itália

A Biblioteca Angélica (italiano : Biblioteca Angelica) está em Roma , Itália . É uma biblioteca pública localizada na Piazza Sant’Agostino praça, ao lado da igreja de Sant’Agostino , não muito longe da Piazza Navona .

Frente da Biblioteca Angelica, Roma, Itália (Foto de divulgação)

A biblioteca tem cerca de 180 000 volumes de manuscritos (entre os quais o Codex Angelicus ) e 1 100 incunábulos , que anteriormente pertencia ao Agostinianos . Essas obras são importantes para o conhecimento da história da Reforma e Contra-Reforma .

Salão principal da Biblioteca Angelica (Foto de divulgação)

A biblioteca foi criada em 1604 por Angelo Rocca (1546-1620), e pertencia ao mosteiro agostiniano. Foi a segunda biblioteca em Itália (depois Biblioteca Ambrosiana ), aberto para um serviço público (em 1609).

Parte interna da Biblioteca Angelica (Foto de divulgação)

Desde 1940, a biblioteca passou a abrigar os arquivos da Academia de Arcadia . Desde 1975, a biblioteca está sob a supervisão do Ministério da Cultura .

Fonte: Wikipedia

{lang: 'pt-BR'}

Bibliotecas do Mundo: Herzog August Library, Alemanha

Muitos turistas e cientistas têm apenas um destino em Wolfenbüttel: A Herzog August Library, que foi fundada em 1572.

Frente da Biblioteca (Foto de divulgação)

A biblioteca tem uma das maiores e mais completas coleções de livros antigos no mundo e é especialmente rica em bíblias e livros do período da Reforma.

Parte interna da Biblioteca (Foto de divulgação)

Durante o reinado de Herzog (Duque) a Herzog August Library teve a maior coleção de livros na Europa e foi considerada a oitava maravilha do mundo.

Hoje, ela possui uma coleção de um milhão de volumes, sendo 350.000 do século 15 ao 18.

Detalhes da arquitetura interna (Foto de divulgação)

O tesouro de todos os tesouros da Herzog August Library é sem dúvida o Henry Livro Leão dos Evangelhos, que foi comprado em 1983 em um leilão em Londres por 16 milhões de Euros. É um dos manuscritos mais belos e preciosos da Idade Média.

{lang: 'pt-BR'}

Biblioteca da Abadia de Saint Gall, St. Gallen, Suíça

O Abadia (mosteiro) foi fundado em 613, e foi nomeado em honra de St. Gall (São Galo), santo irlandês, companheiro e discípulo de São Columbano, e que morreu em 646.

Foto: Divulgação

O convento de São Galo (abadia e biblioteca) foi nomeado, em 1983, como Patrimônio Mundial da UNESCO, pela sua importância histórica e civilizacional, desde o momento em que foi construído, no século VIII, até à sua secularização em 1805.

Foto: Divulgação

A sua biblioteca é, de facto, reconhecida como uma das mais ricas e antigas do Mundo, dispondo da maior coleção de livros do início da Idade Média, na parte germânica da Europa. Contém cerca de 160 mil livros, dos quais 2.200 são manuscritos e 500 têm mais de mil anos.

Foto: Divulgação

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência ea Cultura nomeou a biblioteca como Patrimônio Mundial em 1983.

Foto: Divulgação

Linda, não acham? *_*

{lang: 'pt-BR'}